* As tarifas, ofertas e condições apresentadas podem sofrer alteração sem aviso prévio.
Fazer uma viagem com os pequenos é sempre uma ótima oportunidade deles terem novas experiências e conhecerem outras pessoas. Porém, como tudo nesse passeio é novo para eles, é importante saber como viajar com bebê no avião de maneira tranquila e confortável.

Pensando nisso, o Blog do Rio Quente preparou este conteúdo especial com tudo o que você precisa saber para viajar com bebê. Desde atividades para distraí-los até roupas mais adequadas, listamos os principais pontos para garantir o seu conforto e o do pequeno. Confira!

Conheça alguns pontos sobre viagens com bebês

Para entender os cuidados com o bebê no avião, pense em alguns pontos principais, como valor da passagem, idade segura para viajar, documentos necessários, presença da bagagem e lanchinhos. Confira um pouco mais sobre cada um desses aspectos.

Idade segura para viajar

Ao marcar um passeio com os pequenos, você já deve ter se perguntado: “com quantos meses o bebê pode viajar de avião?”. As companhias áreas estipulam um limite de sete dias de vida, porém os pediatras recomendam que os recém-nascidos só embarquem em uma aeronave depois de três meses.

Isso porque a aeronave é um ambiente totalmente fechado, e os bebês ainda estão desenvolvendo uma imunidade mais forte para exposições assim, necessitando tomar algumas vacinas.

Valor da passagem

Se quer aprender como viajar com bebê no avião, precisa saber que muitas companhias não cobram passagem caso a criança vá no colo dos pais e tenha até dois anos completos. Porém, algumas adicionam uma taxa de 10% sobre o valor da tarifa aérea. Então, é muito importante avisar a empresa antes do voo que o pequeno irá com você.

Bagagem

Se quiser, compre um assento exclusivo para a criança, levando uma bagagem para ela. Caso o pequeno vá no colo, os pais só poderão levar o carrinho e a mala inclusa na passagem deles, mas é importante verificar as condições de cada empresa.

Documentos necessários para viajar

Para viagens em aeronaves, esteja com um documento de identidade em mãos, inclusive do pequeno. Por isso, se quer aprender como viajar com bebê no avião, saiba que é necessário levar o Registro Geral (RG) ou a certidão de nascimento da criança.

Para destinos internacionais, os documentos para viajar com bebe de avião são a identidade ou a certidão de nascimento, um passaporte válido e visto, caso seja necessário. Nesse caso, também é importante checar as regras de cada companhia para evitar contratempos no aeroporto.

Lanches

Caso o bebê consuma fórmula, é importante verificar as condições da companhia aérea. Isso porque algumas determinam que você leve apenas o pó, e elas forneçam a água morna, já outras deixam que traga o leite pronto na mamadeira. 

Quanto aos alimentos sólidos, existem restrições dependendo do destino, por isso, é importante pesquisar esse aspecto. Normalmente, é proibido o embarque com carnes in natura, ovos e alimentos não processados, leite e derivados, vegetais e frutas, mudas, sementes e hortaliças.



Como tornar a viagem do bebê mais confortável e tranquila?

Apesar de ser uma experiência inesquecível, viajar de avião pode despertar um pouco de medo nas crianças pequenas. Isso porque é um ambiente totalmente novo e diferente, sendo importante utilizar as técnicas certas para deixar o voo muito mais tranquilo e confortável.

Crianças de até 1 ano

Para bebês com menos de um ano, é interessante estar sempre com uma almofada para amamentação, assim a mamãe e o pequeno ficam confortáveis na hora da alimentação. Além disso, se a criança já estiver se alimentando com algo além do leite materno, leve esse lanchinho na bagagem de mão.

Falando na bagagem de mão, é importante levar pelo menos duas trocas de roupas para a viagem. Dependendo do tempo do trajeto, as crianças podem se sujar e mudar as peças que estão vestindo. A dica é levar roupas confortáveis e rotineiras. Não se esqueça de estar sempre com o trocador e as fraldas.

Para distraí-los, é interessante levar brinquedos que sejam familiares na rotina. Essa identificação com o objeto pode deixá-los mais calmos sobre o ambiente novo, além de garantir que o tempo da viagem passe mais rápido. Dependendo da duração do voo, uma soneca é ideal para crianças desse tamanho.

Criança de 1 a 2 anos

Por serem um pouco mais grandinhas, as crianças de um a dois anos podem precisar de um esforço maior para se distrair durante o voo. Nesse caso, é interessante criar jogos lúdicos, como, por exemplo, identificar o formato das nuvens ou contar histórias em que cada um monta uma parte.

Os brinquedos também podem ajudar, assim como tablets e celulares. Uma das dicas para viajar com bebê de avião é baixar as séries e os filmes preferidos do pequeno, deixando-os à disposição para ele assisti-los durante o voo. As companhias normalmente oferecem opções na televisão da poltrona, então você também pode utilizá-la.

Leve pelo menos duas trocas de roupa, trocador e fraldas extras (caso ainda precise). Para realizar a troca, você pode utilizar o banheiro do avião ou pedir ajuda aos comissários. Caso a criança queira dormir, é interessante estar com um travesseiro e um cobertor para o conforto dela.

Leve o pequeno para destinos incríveis!

Agora que já sabe como viajar com bebê no avião, que tal conhecer um resort incrível em meio ao cerrado goiano? O Rio Quente fica a 27 km de Caldas, contando com cinco opções de hospedagens e ótimas atrações para divertir os pequenos nas águas naturalmente quentes.

Sua viagem ao Rio Quente é sempre segura. Isso porque o resort segue todas as medidas de prevenção à COVID-19, conforme as orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde). Dê uma olhada nos pacotes promocionais para agendar sua estadia!

Quer falar com a gente?

É só nos chamar no WhatsApp ou telefone a qualquer hora!

Central de Reservas

Para RJ, RS, PR, MG e NE

Belo Horizonte

Campinas

Goiânia

Pernambuco

Ribeirão Preto

Rio Quente

Rio de Janeiro

Santo André

São José do Rio Preto

São José dos Campos

Uberaba

Uberlândia